PUBLICIDADE

Justiça permite prefeito de Aquidauana concorrer à reeleição


PUBLICIDADE

01/03/2012 12h50

Justiça permite prefeito de Aquidauana concorrer à reeleição

ROBERTA CÁCERES


 Decisão favorável do Tribunal de Justiçade Mato Grosso do Sul (TJMS) abre caminho para o prefeito de Aquidauna, Fauzi Suleiman (PMDB), concorrer à reeleição na campanha municipal deste ano. A denúncia do Ministério Público Estadual (MPE) aponta improbidade administrativa de Fauzi na contratação de servidores sem concurso público.

O processo voltou à discussão ontem para a correção do erro de divulgação do resultado de julgamento, em que o TJ determinou o afastamento do prefeito sem ter votado o mérito do agravo.

Segundo o advogado Leonardo Saad, o TJ julgou procedente o recurso apresentado pela defesa. “A decisão do Tribunal foi unânime, ganhamos de 3 a 0”, argumentou. Com o julgamento favorável, a decisão do juiz foi cassada e o prefeito se mantém no cargo. Fauzi acredita não ter mais como a oposição reagir sobre o seu afastamento. “Foi julgado o mérito, agora não tem mais o que questionar”, vibrou.

“Conscientemente ou inconscientemente o promotor que está aqui (em Aquidauana) se transformou em um instrumento da oposição”, salientou. Questionado sobre as eleições de 2012, o prefeito foi categórico. “Se a população quiser que nós sejamos candidato, nós vamos lançar candidatura sim”, pontuou.
 

 

Compartilhe




PUBLICIDADE
  • WhatsApp TUDODOMS459
PUBLICIDADE
  • academia374
  • museu da cachaça319
  • Nelson Dias12
PUBLICIDADE