PUBLICIDADE

Governo Federal libera mais de R$ 16 milhões para MS aplicar em sanidade animal


PUBLICIDADE
  • mell280

30/06/2011 16h00

Governo Federal libera mais de R$ 16 milhões para MS aplicar em sanidade animal

Priscilla Peres


 O Governo Federal, através do Ministério da Agricultura, está liberando mais de R$ 16 milhões para o Governo de Mato Grosso do Sul aplicar em sanidade animal no Estado.

De acordo com o setor de sanidade animal do Ministério da Agricultura, o crédito orçamentário já está disponível, mas ainda espera que o governo do Estado cumpra todas as formalidades legais para que o recurso seja disponibilizado. A gestão dos recursos deve ficar a cargo da Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal).

Os R$ 16.614.565,25 devem ser aplicados exclusivamente nos seguimentos de saúde animal até 31 de dezembro de 2011, já que se trata de um recurso anual.

O Deputado Federal Vander Loubet (PT) explica que o projeto está em tramitação desde o começo do ano e que com a liberação deve ser aplicado com o objetivo de reforçar o sistema de controle da febre aftosa em Mato Grosso do Sul.

“É importante que esse recurso seja destinado para adquirir equipamentos para a Iagro atuar em todo o Estado, mas principalmente na região de fronteira onde devemos continuar combatendo aftosa”, destaca o deputado.

Transparência nos Recursos

Para o presidente licenciado da Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul) Chico Maia, os recursos arrecadados pela Iagro junto aos produtores rurais do Estado deveriam deixar de ir para o caixa único do governo para serem aplicados diretamente à sanidade animal do Estado.

“Deixo como sugestão para o governo do Estado a aplicação direta dos recursos da Iagro na sanidade animal, pois dessa forma, tenho certeza que haverá uma maior eficiência nesse setor que é tão importante para a nossa economia”, disse Chico.

Segundo o representante dos produtores, atualmente os fazendeiros deixam muito do que produzem nas mãos do governo, mas não enxergam os resultados com transparência. "Seja no Fundersul, que nós bancamos, ou nos recursos que repassamos para a Iagro, os produtores rurais precisam ser tratados com mais respeito e ter mais transparência no uso desse dinheiro", cobra.





PUBLICIDADE
  • WhatsApp TUDODOMS459
PUBLICIDADE
  • academia374
  • museu da cachaça319
  • Nelson Dias12
PUBLICIDADE