PUBLICIDADE

Título da Copa América resgata tradição do futebol uruguaio


PUBLICIDADE
  • mell280

25/07/2011 10h00

Título da Copa América resgata tradição do futebol uruguaio

Bom Dia Brasil


 Em Montevidéu, milhares de pessoas assistiram à final da Copa América nas ruas. Fazia tempo que o povo uruguaio não sentia tanta confiança no time. Em um país com pouco mais de três milhões de habitantes, o orgulho de ser uruguaio é visível.

Os dez mil torcedores que se reuniram no centro de Montevidéu tinham absoluta certeza de que o título não escaparia. “O Uruguai coloca o coração e a garra para ganhar. Não é pelo dinheiro, mas pela bandeira”, diz um torcedor.

Em 11 minutos, Suárez, de Buenos Aires, deu o aviso para a torcida de Montevidéu: o domingo seria inesquecível. Dai em diante foram minutos de euforia para uma multidão animada, que ainda teve o prazer de gritar gol mais duas vezes.

A Celeste volta ao topo da América, 16 anos depois da conquista do último título. É o ressurgimento da força e da tradição do futebol uruguaio. Todo mundo queria um pontinha de espaço em frente à câmera para demonstrar o tamanho da alegria. “Agora somos respeitados pelo mundo todo. São 15 vezes campeão da América, estamos muito felizes”, comemorou um uruguaio.

Por pelo menos um domingo, este pequeno país passou a ser o maior da América e lembrou o Uruguai dos velhos tempos.
 





PUBLICIDADE
  • WhatsApp TUDODOMS459
PUBLICIDADE
  • academia374
  • museu da cachaça319
  • Nelson Dias12
PUBLICIDADE