PUBLICIDADE

Governador Reinaldo Azambuja assina nesta quarta-feira, dia 14, convênio para realização da Festa da Linguiça


PUBLICIDADE

12/03/2018 10h19 - Atualizado em 12/03/2018 11h59

Governador Reinaldo Azambuja assina nesta quarta-feira, dia 14, convênio para realização da Festa da Linguiça

Esta é 24a edição da Festa da Linguiça, realizada por Rotary Club, entidades e parceiros. O evento acontece nos dias: 27, 28 e 29 de abril,

Hosana de Lourdes


Secretário Atayde Nery, prefeito Maurílio, Governador Reinado, rotarianos na edição da festa em 2015.

 Maracaju (MS) –  O governador Reinaldo Azambuja recebe nesta quarta-feira, dia 14, em seu gabinete na governadoria, uma comissão rotarianos liderada pelo presidente Caetano Munaretto, prefeito Maurílio Azambuja onde irá assinar o convênio para realização da Festa da Linguiça de Maracaju, edição de 2018.

 

A edição deste ano, que tem data já confirmada para final do mês de abril, haja vista dia do trabalhador, cair em meio de semana. A festa é filantrópica e, é realizada com o apoio do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Cultura e Cidadania, somando-se à parceria da Prefeitura, Câmara de Vereadores e setor privado, cujo resultado final gera entretenimento, divulgação dos atrativos gastronômicos da região e arrecadação de recursos financeiros repassados às entidades beneficentes. Atualmente é o maior evento gastrônomico do Mato Grosso do Sul. 

 

“A filantropia é o espírito da nossa tradicional festa”, destacou Reinaldo Azambuja, Segundo o governador a iniciativa do Rotary Club de Maracaju, que assume a realização do evento, é uma atitude nobre que ainda conta com a participação do voluntariado. “Estamos anualmente apoiando este evento realizado em Maracaju, onde os resultados do que foi arrecadado em festas anteriores, todos foram aplicados em favor de entidades e nosso governo estará sempre presente com apoio e incentivo”, acrescentou.

 

A Linguiça de Maracaju

 

A tradicional linguiça de Maracaju que ganhou certificado de registro de IG (Indicação Geográfica) em 2016.  A produção da iguaria – preparada com diversos tipos de carne nobre bovina, temperos e suco de laranja azeda– remonta a 1890, duas décadas após o fim da Guerra do Paraguai. O produto é reconhecido dentro e fora do Estado, conquistando cada vez mais apreciadores por causa do sabor inigualável. Este ano a casa de Carne Bife Nobre é a responsável pela linguiça que será servida na festa.





PUBLICIDADE
  • WhatsApp TUDODOMS459
PUBLICIDADE
  • academia374
  • museu da cachaça319
  • Imobiliaria12
PUBLICIDADE