PUBLICIDADE

Em MS, atendimento a crianças vítimas de abuso sexual cresce 45%


PUBLICIDADE
  • mell280

03/08/2011 11h20

Em MS, atendimento a crianças vítimas de abuso sexual cresce 45%

TV Morena


 Em Três Lagoas, cidade a 330 quilômetros de Campo Grande, o número de atendimentos de crianças e adolescentes vítimas de abuso sexual aumentou 45% em relação ao ano passado, segundo o Conselho Tutelar. No primeiro semestre deste ano, foram atendidos 52 casos. O mesmo índice foi verificado no ano passado inteiro.

Para o conselheiro Davis Martinelli, a população perdeu o medo de relatar casos. “O abuso sempre ocorreu, nunca descartamos. O que aumentou o número é que as pessoas aprenderam a denunciar. Não precisa se identificar, pode ser anonimamente”, diz.

A maioria das vítimas tem entre quatro e nove anos de idade. O acompanhamento psicológico é feito no Centro de Referência Especializada de Assistência Social (Creas). A coordenadora Vera Lúcia Rodrigues Renó diz que os supostos agressores são na maioria pessoas muito próximas à criança. “O denunciado é o pai ou padrasto, primo, cunhado ou vizinho”, afirma.

No último fim de semana, dois primos - de seis e sete anos - disseram à família que estavam sofrendo abuso sexual havia duas semanas. O suspeito é um rapaz de 18 anos que confessou à polícia que molestava as crianças. A família está indignada.

A criança que sofre algum tipo de violência sexual pode apresentar mudanças no comportamento. A vítima fica apática e se isola. “Mães e pais devem estar muito atentos, observar quem são as pessoas que tem contato com os seus filhos, não deixar pessoas estranhas se aproximarem”, alerta Vera Lúcia.





PUBLICIDADE
  • WhatsApp TUDODOMS459
PUBLICIDADE
  • academia374
  • museu da cachaça319
  • Imobiliaria12
PUBLICIDADE