PUBLICIDADE

Senado aprova aumento no piso salarial de agentes comunitários de saúde e de combate a endemias


PUBLICIDADE

12/07/2018 15h08 - Atualizado em 12/07/2018 16h21

Senado aprova aumento no piso salarial de agentes comunitários de saúde e de combate a endemias

Comunicação FeserpMS/ Paulo Monteiro


 O Senado aprovou nesta quarta-feira (11) a medida provisória (MP) que aumenta o piso salarial de agentes comunitários de saúde e de agentes de combate a endemias. Como o texto já foi aprovado pela Câmara dos Deputados, seguirá para sanção do presidente Michel Temer.

Pela proposta aprovada, o piso passará, de forma gradual, dos atuais R$ 1.014 para R$ 1,5 mil mensais, em três anos (até 2021).

De acordo com o projeto, o aumento no piso ocorrerá da seguinte maneira:

  • Janeiro de 2019: R$ 1.250;
  • Janeiro de 2020: R$ 1.400;
  • Janeiro de 2021: R$ 1.550.

O texto da MP torna “essencial e obrigatória” a presença dos agentes na Estratégia de Saúde da Família e na estrutura de vigilância epidemiológica e ambiental.

O projeto ainda estabelece que, a cada dois anos, os agentes comunitários de saúde e os agentes de combate às endemias passarão por cursos de aperfeiçoamento.

Durante a análise do projeto, agentes comunitários lotaram as galerias do Senado e aplaudiram a aprovação.  Esse avanço só foi possível devido a garra e a mobilização da categoria.

fonte:Senado

 





PUBLICIDADE
  • WhatsApp TUDODOMS459
PUBLICIDADE
  • academia374
  • museu da cachaça319
  • Imobiliaria12
PUBLICIDADE