PUBLICIDADE

Felipão aprova empate, mas critica defesa


PUBLICIDADE

04/08/2011 09h30

Felipão aprova empate, mas critica defesa

G1


 O empate por 1 a 1 com o Coritiba (assista aos melhores momentos), nesta quarta-feira, no Couto Pereira, foi encarado com positividade pelo técnico Luiz Felipe Scolari. Sem lembrar dos 6 a 0 para o Coxa na Copa do Brasil, Felipão elogiou a maturidade do Palmeiras para reagir após sofrer o primeiro gol aos oito minutos de jogo. Graças a mais um gol de falta de Marcos Assunção, o Verdão arrancou um ponto em Curitiba e chega aos 26 na tabela do Campeonato Brasileiro.

- De acordo com o que aconteceu, o resultado foi bom. Fizemos o gol de empate, no segundo tempo fomos um pouquinho melhor. O meu time não sentiu tanto o gol sofrido, conseguiu ter calma para colocar a bola no chão e buscar o empate – elogiou Felipão. Mesmo assim, o vacilo no primeiro gol não foi esquecido pelo técnico. As cobranças de escanteio têm sido pesadelo para a defesa do Palmeiras, que sofreu um gol de Jéci nessas mesmas condições. Felipão puxou a orelha de seus defensores, mas reconheceu os méritos do Coritiba no início do jogo. Na saída do gramado, o goleiro Marcos se mostrou irritado com as falhas.

- Claro que as falhas irritam, mas temos de saber reconhecer a qualidade do adversário. Fizemos um gol de bola parada e o Marcelo Oliveira (técnico do Coritiba) também deve ter ficado irritado, porque sabe que o Assunção é bom nas faltas. Mas nós demos uma titubeada, um vacilo, e aí o que trabalhamos não foi correspondido – lamentou o técnico. Felipão perdeu Thiago Heleno, expulso, e teve de promover a estreia apressada de Henrique, que ainda não está 100% fisicamente. Mesmo assim, o zagueiro foi elogiado.

- O Henrique não jogava há três meses, ainda falta um certo ritmo. Então as pessoas às vezes perguntam, ouvi diretores perguntando ao nosso vice-presidente Roberto Frizzo porque eu não escalava o Henrique. Eu ouvi isso. Para esses que fizeram essa pergunta, eles devem saber que o Henrique está há três meses sem jogar e que não se adquire ritmo do dia para a noite. Já jogou 15 minutos, vamos ver como evolui – explicou Felipão.

Thiago Heleno e Luan, que levou o terceiro cartão amarelo, serão os desfalques do Palmeiras para o jogo contra o Grêmio, no próximo sábado, às 18h30m, no Canindé. Leandro Amaro e Henrique disputam vaga na defesa, enquanto Patrik deve ficar com a vaga de Luan. Maikon Leite, muito gripado, ainda é dúvida e depende da recuperação até o fim da semana.





PUBLICIDADE
  • WhatsApp TUDODOMS459
PUBLICIDADE
  • academia374
  • museu da cachaça319
  • Imobiliaria12
PUBLICIDADE