PUBLICIDADE

Chefs visitam Projeto Mirim e se encantam com o trabalho realizado


PUBLICIDADE

09/11/2018 14h06

Chefs visitam Projeto Mirim e se encantam com o trabalho realizado

Adersino Junior


Toda renda adquirida no 2º Festival Gastronômico Serra de Maracaju, será revertida para a reforma do prédio onde funciona Projeto SCFV Mirim que é da Secretaria de Assistência Social. No local são assistidas cerca de 200 crianças com várias atividades e oficinas , como  música , dança, informática, teatro, esporte , lazer,  todas   no contra turno escolar.

Na manhã desta sexta feira (9) o prefeito Maurílio Ferreira Azambuja acompanhado da primeira dama Leila Gonçalves Azambuja, Secretários de Governo Frederico Felini, Assistência Ilma Aquino, Chefe de Gabinete Paulo Suleki estiveram visitando o local e levaram os 12 chefs que  participam  o festival.

Primeira dama Leila Gonçalves Azambuja falou da importância e da diferença que as atividades do projeto fazem na vida dessas crianças. “ São momentos marcantes para cada uma delas,são oportunizadas as crianças a chances de convício em comunidade, interação, além é claro de poder se destacar na música, dança ou esporte”, disse Leila.

Secretário de Governo Frederico Felini, disse da luta que foi poder conseguir o prédio para o município uma vez que o Prédio era propriedade Federal, até que no dia 28 de dezembro de 2017 o SCFV Mirim receberam a documentação oficial da União passando em definitivo o prédio ao município. “Agora temos  autonomia para realização de melhorias, e a renda do 2º Festival Gastronômico Serra de Maracaju é um importante passo para dar inicio a recuperação do prédio e oferecer melhor qualidade no atendimento das crianças”, disse Fred.

Para o prefeito Maurílio Ferreira Azambuja, o social feito em Maracaju e de qualidade e responsabilidade, oportunizamos a todos a mesma igualdade, com respeito e carinho, a prova está aqui, na Mirim. “ São crianças que se não fosse através dos programas sociais dificilmente poderiam ter aula de música, participar de uma balé, ou praticar karatê ou judô, aqui elas tem tudo isso e de forma gratuita, fazemos um social com dignidade ao ser humano”, disse Maurílio.

Durante a visita os chefs receberam dos alunos carinho e uma apresentação musical da oficina de violão e assistiram a uma peça de teatro que também é uma das oficinas que fazem parte do projeto.





PUBLICIDADE
  • WhatsApp TUDODOMS459
PUBLICIDADE
  • academia374
  • museu da cachaça319
  • Imobiliaria12
PUBLICIDADE