PUBLICIDADE

Obras não ficam prontas em 24 horas, diz Alckmin; governo promete investir R$ 800 mi


PUBLICIDADE

11/01/2011 22h12

Obras não ficam prontas em 24 horas, diz Alckmin; governo promete investir R$ 800 mi

"Obras não ficam prontas em 24 horas", diz Alckmin; governo promete investir R$ 800 mi

Maurício Savarese


Em uma entrevista coletiva tumultuada, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, afirmou nesta terça-feira (11) que o combate às enchentes que afetam o Estado nos últimos dias demanda obras que "não ficam prontas em 24 horas". Ao lado do prefeito Gilberto Kassab (DEM), ele estimou em R$ 800 milhões os gastos com dragagem nos próximos anos, sendo que parte dessa quantia já estava destinada ao setor pela gestão de José Serra.

Alckmin e Kassab repetiram que as chuvas em São Paulo nos últimos dias foram "excepcionais" e comemoraram a falta de alagamento em algumas regiões críticas da cidade. Mas o governador admitiu que neste momento os trabalhos são dificultados pelas chuvas.

"No período das águas, a obra de dragagem continua, mas ela retira pouco”, disse Alckmin após reunião com secretários municipais e estaduais. “Vamos fazer o máximo ao longo do ano pelo desassoreamento [dos rios e córregos do Estado].” O governador anunciou reforço à prefeitura da capital com 50 caminhões para limpar bueiros e outros 10 veículos para lavar ruas.





PUBLICIDADE
  • WhatsApp TUDODOMS459
PUBLICIDADE
  • academia374
  • museu da cachaça319
  • Nelson Dias12
PUBLICIDADE