PUBLICIDADE

Bancada de MS gostou de viajar com dinheiro público


PUBLICIDADE

14/03/2019 09h39

Bancada de MS gostou de viajar com dinheiro público

Ângela Kempfer e Humberto Marques


 

  •  

Passaporte movimentado - A bancada de Mato Grosso do Sul em Brasília pode não ter apresentado ainda nenhum projeto de relevância para o Estado, mas no quesito "viagens internacionais" os currículos começam a ficar bem enriquecidos.

Washington D.C - Depois do deputado federal Loester Carlos (PSL) e da senadora Soraya Thronicke (PSL) carimbarem o passaporte para China e EUA, agora é vez do senador Nelsinho Trad (PSD) embarcar, no dia 17 de março, para Washington (EUA), em comitiva de Jair Bolsonaro, com direito a almoço com Donald Trump.

 

 

Turistando - No roteiro divulgado por Nelsinho, é colocada, inclusive, a possibilidade de passeio por pontos turístico como Arlington National Cemetery (cemitério nacional) e o Memorial da Segunda Guerra Mundial.

Habitável – Pode se dizer que a Secretaria de Estado de Infraestrutura, na gestão do vice-governador Murilo Zauith (DEM), está bastante mobilizada para concluir o Aquário do Pantanal. “Estou com cinco engenheiros ‘morando’ lá dentro, pesquisando detalhes da obra para fecharmos um orçamento e lançar a licitação”, brincou o titular da Seinfra, que na terça-feira (12) visitou a obra.

Espiada – Murilo recebeu representantes da empresa norte-americana responsável pelos acrílicos a serem usados no Aquário. “Ele estava no Brasil e queria vir conhecer. A empresa fez o Aquário do Rio de Janeiro e, como é uma obra emblemática, o maior aquário de água doce do mundo, quiseram verificar”, destacou o secretário.

Script – Ainda conforme Murilo, a Seinfra vai cumprir o prazo de até 90 dias, por ele estimado em janeiro, para apresentar o orçamento definitivo para terminar o Aquário – tratado como prioridade por ser um investimento milionário que, entre idas e vindas (inclusive judiciais), ficou anos parado. Murilo garante chamar Judiciário, Ministério Público e Tribunal de Contas, além da imprensa, para apresentar o resultado final.

Comissões - Na comunidade, pouca gente sabe da abrangência do trabalho da OAB/MS (Ordem dos Advogados em Mato Grosso do Sul). Mas a entidade tem até Comissão de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente, além da “Comissão OAB vai à Escola”.

Paz - Depois do massacre em escola pública de Suzano (SP) ontem (13), a seccional enviou nota reforçando que tem desenvolvido ações para cultura da paz e segurança dentro das instituições de ensino.

Crítica - A OAB/MS aproveitou para lamentar a tragédia e dizer que por aqui também falta segurança aos alunos. “Precisamos do empenho de toda a sociedade e a sensibilidade do poder público para trazer segurança nas escolas, ausente também em Mato Grosso do Sul”, avaliou a entidade.





PUBLICIDADE
  • WhatsApp TUDODOMS459
PUBLICIDADE
  • academia374
  • museu da cachaça319
  • Nelson Dias12
PUBLICIDADE