PUBLICIDADE

Católicos celebram 'Domingo de Ramos' nas paróquias de Maracaju


PUBLICIDADE

14/04/2019 10h08 - Atualizado em 14/04/2019 15h14

Católicos celebram 'Domingo de Ramos' nas paróquias de Maracaju

Fiéis acompanharam a missa celebrada pelo padre Junior Cézar Caetano da Silva em Maracaju na paroquia Nossa Senhora Aparecida e Auxiliadora com Padre Luis Fernando.

Hosana de Lourdes


Católicos participaram, na manhã deste domingo, da tradição bênção de Ramos, nas paroquias de Maracaju Nossa Senhora Aparecida - Centro e Nossa Senhora Auxiliadora no Bairro Paraguai. A missa foi celebrada pelo Padre Júnior Cézar Caetano da Silva, teve inicio com a procissão saindo da antiga igrejinha até a Matriz na Avenida Mário Correa, recriando a entrada triunfal de Jesus em Jerusalém. 
 
 
Igreja Católica dá início à Semana Santa neste dia 14 de abril com a celebração de Domingo de Ramos. Durante toda semana a comunidade deve participar da programação elaborada, nas duas paróquias.  Em sua homília Padre Júnior (Nossa Senhora Aparecida) deixou três pontos dentro do Evangelho para reflexão semanal. A primeira delas é de que forma o cristão pensa acolher e ovacionar  Jesus Acolher e ovacionar Jesus? 
 
 
 
 
È bastante comprometedor, se faz necessário disposição, a coragem e a fidelidade, para percorrer esse mesmo caminho, na firmeza inabalável, ainda que o mundo nos apresente tantos atalhos sedutores, onde podemos ser cristãos adocicados, ou se preferirem, cristãos que estão no grupo que ficam esperando para ver o que vai dar. Não existe nenhum caminho sem sofrimento e sem nenhum compromisso com o ensinamento do evangelho, dentre as opções estão: Pedro que negou, Judas que traiu e Cirineu que ajudou a Jesus carregar a sua cruz. “O cristão precisa se identificar, qual é o seu caminho”,  disse.
 
 
Assim pensa a maioria dos cristãos da modernidade, e o próprio Pedro, Chefe da Igreja,  também pensava, pois negou o mestre por três vezes, hoje se nega muito mais. Outro exemplo citado pelo Padre Junior foi o de Maria, a dor de uma mãe assistindo a crucificação do filho. O padre finalizou convidando toda comunidade a estar presente nas celebrações da igreja, fazendo jus ao nome da Semana Santa que todos os cristão vivenciem não só esta semana mas, em todos os dias do ano. Na paróquia Nossa Senhora Auxiliadora foi a vez do Padre Luis Fernando que deixou a sua mensagem de mais participação a toda comunidade, buscando a santidade, seguindo a Jesus.
 
 
 
 
 




PUBLICIDADE
  • WhatsApp TUDODOMS459
PUBLICIDADE
  • academia374
  • Nelson Dias12
PUBLICIDADE