PUBLICIDADE

Líder no ranking das diárias, senadora de MS recebeu R$ 20,8 mil por viagens


PUBLICIDADE

10/06/2019 13h28

Líder no ranking das diárias, senadora de MS recebeu R$ 20,8 mil por viagens

Da bancada de Mato Grosso do Sul, além de Soraya, o senador Nelsinho Trad (PSD) também ganhou diárias, R$ 14.429,40 no total

Anahi Zurutuza


 Em cinco meses de mandato, a senadora Soraya Thronicke (PSL-MS) recebeu R$ 20.835,54 em diárias. Ela lidera o ranking dos parlamentares que mais ganharam dinheiro para custear despesas básicas, como alimentação e hospedagem, em viagens oficiais, conforme levantamento feito pela coluna do jornalista Lauro Jardim, do jornal O Globo, com base nos dados do Portal da Transparência do Senado.

 
 

Segundo a pesquisa, o segundo lugar ficou com o senador Roberto Rocha (PSDB-MA), que recebeu R$ 20,6 mil, e em seguida vem a paraibana Daniela Ribeiro (PP), que já levou R$ 20 mil.

O levantamento baseia publicação sobre os gastos com diárias no Senado, que explodiram neste ano. Conforme o cálculo feito pela reportagem do jornal carioca, de fevereiro a maio, a Casa já pagou R$ 329 mil em diárias, aumento de 154% em relação aos R$ 129 mil desembolsados no mesmo período do ano passado e 111% mais do que os R$ 155 mil referentes aos cinco primeiros meses de 2017.

Da bancada de Mato Grosso do Sul, além de Soraya, o senador Nelsinho Trad (PSD) também ganhou diárias, R$ 14.429,40 no total. Simone Tebet (MDB) ainda não recebeu nada.

Parlamentares do PSL em viagem à China (Foto: Twitter/Reprodução)Parlamentares do PSL em viagem à China (Foto: Twitter/Reprodução)

Viagens - Estreante no Senado, Soraya Thronicke já fez cinco viagens para fora do País em “missão oficial”. Ela foi a Pequim (China), Nova York (EUA), Tel Aviv (Israel), Montevidéu (Uruguai) e agora está em Berlim (Alemanha).

De acordo com a assessoria de imprensa da Senadora, os gastos com as viagens para a China e Alemanha foram inteiramente pagos pelos governos dos dois países. A assessoria de senadora também informou que define o valor das diárias é o próprio Senado, de acordo com o destino e período da viagem.

Em janeiro, antes de assumir oficialmente o cargo, ela fez parte da comitiva do presidente Jair Bolsonaro (PSL) em viagem à Pequim. Em Nova York, nos Estados Unidos, ao lado da ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, Soraya participou de evento da ONU (Organização das Nações Unidas).

Israel foi o terceiro destino da senadora desde que foi ela eleita em outubro do ano passado. A senadora também estava na excursão do presidente, que esteve em território israelita, Bolsonaro se encontrou com empresários israelitas e assinou acordos de cooperação como governo do país.

Em abril, Soraya foi a Montevidéu, no Uruguai, onde participou de reuniões das comissões permanentes do Parlamento Mercosul.

Em Berlim, parlamentares conhecem “iniciativas verdes” e políticas ambientais e climáticas desenvolvidas pelo país europeu.





PUBLICIDADE
  • WhatsApp TUDODOMS459
PUBLICIDADE
  • academia374
  • museu da cachaça319
  • Nelson Dias12
PUBLICIDADE