PUBLICIDADE

Transparência: sorteio de 602 apartamentos em Campo Grande será transmitido pela internet


PUBLICIDADE
  • mell280

26/06/2019 14h33 - Atualizado em 26/06/2019 14h59

Transparência: sorteio de 602 apartamentos em Campo Grande será transmitido pela internet

Bruno Chaves


Campo Grande (MS) – A Agência de Habitação Popular de Mato Grosso do Sul (Agehab) vai sortear 602 apartamentos em Campo Grande no próximo sábado, 29 de junho. O evento será realizado na quadra de esportes da Escola Estadual Joaquim Murtinho e todo o processo será transmitido ao vivo pela internet, por meio do Facebook do Governo do Estado. Quem curtir a página será avisado do início da transmissão.

O sorteio público é inédito na Agehab. A medida, para o secretário especial do Carlos Alberto de Assis, garante lisura e transparência no processo de destinação das moradias. “O governo Reinaldo Azambuja preza pela responsabilidade. Com esse sorteio queremos que as pessoas tenham certeza do processo justo e transparente. Nós queremos dar tranquilidade para as pessoas”, afirmou Carlos Alberto.

As unidades habitacionais que serão sorteadas estão em processo de construção e devem ser concluídas em 2020. “São quatro empreendimentos que estão entre 20% e 60% concluídos. Já estamos organizando a destinação das moradias para depois iniciarmos o processo de documentação, que demora mais um pouco”, explicou a diretora-presidente da Agehab, Maria do Carmo Avesani Lopez.

Serão destinadas 210 moradias do Condomínio Residencial Portal Laranjeiras; 154 do Condomínio Residencial Sírio Libanês I, II e III; 119 do Residencial Jardim Aero Rancho 7; e 119 do Residencial Jardim Aero Rancho 8. Ao todo, 35.601 famílias estão habilitadas para o sorteio. Aquelas que forem selecionadas terão 15 dias após o sorteio para apresentar os documentos necessários para garantir o imóvel.

Depois de prontos, em 2020, os apartamentos devem ter prestações mensais com variação entre R$ 80 e R$ 220, conforme renda familiar do beneficiário. O valor será pago para a Caixa Econômica Federal (CEF) e os imóveis não podem ser vendidos ou alugados.

Em entrevista coletiva à imprensa, Maria do Carmo e Carlos Alberto de Assis explicaram o formato do sorteio de apartamentos

Distribuição de vagas

Na Capital, 40 famílias que possuem pessoas com microcefalia serão dispensadas do sorteio. Ou seja, elas já tem a garantia da conquista da moradia própria. Nesses casos, a condição tem que ser devidamente comprovada com apresentação de atestado médico. No atendimento prioritário, 5% dos imóveis serão para idosos e 10% para pessoas com deficiência ou familiares com deficiência.

Depois de descontadas as unidades para candidatos prioritários, as moradias restantes serão distribuídas de forma que atendam os seguintes critérios: famílias residentes em área de risco; famílias com mulheres responsáveis pela unidade familiar; famílias com pessoa com deficiência; famílias com filho menor de 18 anos; famílias monoparentais; e famílias com pessoa com doença crônica incapacitante para o trabalho.

Mais imóveis

O sorteio dos 602 apartamentos representa 50% dos imóveis que serão entregues em Campo Grande pelo poder público. Outras 602 moradias serão destinadas na Capital pela Agência Municipal de Habitação (Emha), totalizando 1.204 novas unidades habitacionais na cidade. Todos os residenciais são construídos com recursos que ultrapassam os R$ 103 milhões dos governos Federal, Estadual e Municipal.






PUBLICIDADE
  • WhatsApp TUDODOMS459
PUBLICIDADE
  • academia374
  • museu da cachaça319
  • Nelson Dias12
PUBLICIDADE