PUBLICIDADE

'Em Campo Grande, Michel Teló grava campanha “Ai se eu te vacino'


PUBLICIDADE

22/07/2019 09h24

'Em Campo Grande, Michel Teló grava campanha “Ai se eu te vacino'

O vídeo foi gravado, nesta manhã (22), pelo cantor e pelo ministro da Saúde em agenda na unidade do Iracy Coelho

Leonardo Rocha e Aline dos Santos


Ministro Luiz Henrique Mandetta e o cantor Michel Teló, na unidade de saúde do Iracy Coelho

 O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, aproveitou a visita a UBSF (Unidade Básica da Saúde da Família) do Iracy Coelho, onde lança programas e investimento na área da saúde, para gravar junto com o cantor Michel Teló campanha de incentivo à vacinação. “Ai se eu te pego, ai se eu te vacino”, é o slogan da campanha, lembrando do sucesso internacional de Teló.

O vídeo foi gravado nesta manhã (22), dentro da unidade de saúde. O cantor, que fez carreira em Mato Grosso do Sul, com a banda “Tradição”, contou que quando era criança os seus pais sempre o levaram para vacinar e que sua carteira (vacinação) foi completada em dia. Este exemplo, Teló disse que segue com os filhos, porque também os leva para vacinar seguindo as datas previstas.

O cantor ainda contou que seu pai teve paralisia no ombro, devido a falta de vacina e que por issto tem este cuidado redobrado com seus filhos. Por esta contribuição na campanha, Teló será o "embaixador da vacina" em todo Brasil.

Mandetta disse que vai aproveitar o "carisma" e histórico de Teló ára divulgar a necessidade das pessoas continarem vacinando. Haverá uma ofensiva sobre o tema no Ministério (Saúde), tanto que haverá a solicitação para que vacinem os homens quando entrarem no Exército Brasileiro, assim como em exames periódicos de trabalhadores nas suas empresas.

Vai ser lançado um aplicativo para a "carteira de vacinação", além disto, vai apresentar relatório nacional sobre a situação da hepatite em nível nacional. "Se trata de uma doença silenciosa, que precisa ser combatida. A vacinação é uma preocupação mundial, cidades como Nova Iorque por exemplo, já estão com surto de sarampo", relatou.

Programas - O ministro ainda vai lançar durante o evento, a Campanha Nacional de Testagem e Vacinação de Hepatites, além de entregar a reforma da Unidade Básica de Saúde do Iracy Coelho. Também será apresentado o Programa Nacional “Saúde na Hora”, que prevê investimentos na saúde básica.

Com a presença do governador Reinaldo Azambuja (PSDB) e do prefeito Marquinhos Trad (PSD), ainda haverá a assinatura de um termo de cooperação celebrado entre a Fiocruz e a Prefeitura de Campo Grande. Apresentação – O programa Saúde na Hora, que será implantado na unidade do Iracy Coelho, visa ampliar o acesso aos serviços de atenção primária, entre eles consultas médicas e odontológicas, além de coleta de exames laboratoriais, assim como aplicação de vacinas e pré-natal.

Haverá mais recursos aos municípios que ampliarem os horários de atendimento das unidades de saúde no período noturno e que mantêm expediente no período de almoço e fins de semana. Na Capital, são cerca de 70 postos inseridos no sistema.

 
 




PUBLICIDADE
  • WhatsApp TUDODOMS459
PUBLICIDADE
  • academia374
  • museu da cachaça319
  • Nelson Dias12
PUBLICIDADE