PUBLICIDADE

Helicóptero de combate ao tráfico cai na fronteira e deixa 12 feridos


PUBLICIDADE

21/11/2019 19h42 - Atualizado em 21/11/2019 21h01

Helicóptero de combate ao tráfico cai na fronteira e deixa 12 feridos

Helio de Freitas


Nuvem de fumaça do local onde helicóptero da Senad do Paraguai caiu há pouco em Pedro Juan Caballero (Foto: Direto das Ruas)

Pelo menos 12 pessoas ficaram feridas na queda de um helicóptero da Senad (Secretaria Nacional Antidrogas) do Paraguai, ocorrida há pouco em Pedro Juan Caballero, cidade paraguaia vizinha de Ponta Porã, a 323 km de Campo Grande.

De acordo com as primeiras informações, o helicóptero tinha acabado de levantar voo da sede regional da Senad em Pedro Juan Caballero quando caiu sobre uma fábrica de seringa. Ainda não há informações sobre mortes, nem se os feridos estavam na aeronave ou em solo.

Imagens gravadas por moradores mostram o helicóptero voando baixo, como se tivesse com dificuldade para ganhar altura. Em seguida a aeronave cai e surge a nuvem de fumaça, como mostra o vídeo abaixo.

 
Helicóptero da Senad paraguaia cai na fronteira
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
00:00
/
01:16
 
 
 
00:00
 
Próximo Vídeo
 
 
×

 

Desde as primeiras horas da manhã de hoje, equipes da Senad e da Polícia Federal brasileira foram vistas em operação na Linha Internacional entre o departamento de Amambay e Mato Grosso do Sul.

Treinada e financiada pelo DEA, a agência norte-americana de combate às drogas dos Estados Unidos, a Senad é um grupo de elite do governo paraguaio independente da Polícia Nacional e subordinada diretamente ao presidente da República do Paraguai. Nos últimos anos, a Senad ampliou as ações contra os traficantes da fronteira combatendo as lavouras de maconha e intensificando as apreensões de cocaína que vem da Bolívia.






PUBLICIDADE
  • WhatsApp TUDODOMS459
PUBLICIDADE
  • academia374
  • Nelson Dias12
PUBLICIDADE