PUBLICIDADE

Inauguração terá projeção em prédio com imagens da antiga 14 de Julho


PUBLICIDADE

29/11/2019 11h26

Inauguração terá projeção em prédio com imagens da antiga 14 de Julho

DAIANY ALBUQUERQUE


 Funcionários da Prefeitura de Campo Grande fazem os últimos ajustes na Rua 14 de Julho para a sua entrega, que está prevista para a noite de sexta-feira (29). Nesta quinta-feira o trecho da via entre a 15 de Novembro e a primeira pista da Avenida Afonso Pena amanheceram fechadas para a montagem do palco.


A via foi fechada às 7h desta quinta-feira e só será liberada amanhã, após o término do evento, que tem previsão para começar às 17h. De acordo com a representante da (Sectur) responsável pela organização do evento, Clarice Benites, a previsão é de que tudo esteja pronta até as 19h de hoje.

“Vamos montar o palco, os camarins, as tendas e fazer um teste de som e luz, então nesse horário tem que estar tudo certo já, até porque amanhã terá a passagem de som dos artistas e as 17h inicia”, afirmou.

Apesar de apenas um trecho da Afonso Pena – no sentido shopping – estar fechado, amanhã a via será interditada nos dois sentidos pela Agência Municipal de Transporte e Trânsito (Agetran) para a realização do evento, já que o palco está sendo montado no cruzamento da avenida com a Rua 14 de Julho.

No local, seis equipes da Agetran trabalhavam nas interdições na região nesta manhã, que devem seguir até, pelo menos, as 6h de sábado (30). A Afonso Pena fica fechada entre a avenida Calógeras e 14 de Julho. Para quem segue no sentido Shopping Campo Grande, a alternativa é seguir pela avenida Calógeras, rua 7 de Setembro e rua Rui Barbosa. Já para quem vai em direção ao bairro Amambaí, deve ir pela rua Rui Barbosa, rua Dom Aquino e avenida Calógeras. Para quem seguiria pela 14 de Julho, a sugestão é seguir pela rua 7 de Setembro e rua Rui Barbosa.

Nesta manhã as interdições causaram alguns pontos de trânsito intenso e lentidão na região central. No trecho em que a avenida estava interditada, alguns motoristas chegaram a “furar” o bloqueio no cruzamento com a avenida Calógeras, mas tiveram que fazer o retorno antes mesmo de chegar na 14 de Julho, já que caminhões e a estrutura do palco impediam os veículos de prosseguir.

Pelo menos sete caminhões com equipamentos para montagem das estruturas circulam pelo local nesta quinta-feira.

A revitalização na via e a iluminação de Natal será inaugurada com shows da cantora Delinha e do Balão Mágico. Além disso, imagens da rua desde sua criação serão projetadas na parede de um dos prédios na via durante a festa. O equipamento está sendo instalado no cruzamento.

Uma bandeira de Campo Grande, com 2,20 metros por 1,30 metro será instalada na rua. O mastro fica ao lado da armação do relógio digital que foi implantado na via, uma referência ao antigo, que atualmente está na avenida Calógeras.

A atendente Roseane Maria Ferreira, 41 anos, trabalha há dois anos na 14 de Julho e acompanhou a obra desde o começo. Ela afirma que gostou do resultado, mas espera que o local receba manutenção. “Vamos ver se vai manter, se não vai ser só marketing. Ficou bonito, mas espero que eles me surpreendam e não deixem nada morrer. Espero que tenha retorno agora que ela ficou pronta, porque o comércio aqui caiu bastante durante a obra”, avaliou.

“Não dei nada para essa obra no início dela, mas agora que ficou pronta achei muito bonita”, disse Ana Cristina da Silva Vieira, 31 anos, que há três anos trabalha na região central distribuindo panfletos.

REVITALIZAÇÃO

A reforma na 14 de Julho, que inicialmente estava orçada em R$ 58 milhões, precisou receber o aditivo de mais de R$ 11 milhões para que pudesse ser concluída. O acréscimo liberado pelo Banco Interamericano do Desenvolvimento (BID) levou o custo total do projeto a ultrapassar os R$ 60 milhões.

Nesta quinta-feira a rede Wi-Fi disponibilizada na região para os pedestres já funcionava. A velocidade registrada chegou a 5 megas. A internet será livre e gratuita para quem frequentar a rua.

A pavimentação de calçada e de pista foi totalmente refeita na rua, que ganhou nova iluminação, com lâmpadas de LED. Os semáforos foram trocados e instalados semáforos sonoros para os pedestres, para atender pessoas com deficiência visual.

Conforme a assessoria do Reviva Centro, 470 funcionários participaram da obra diretamente, além de mais 120 de prestadores de serviços. No local foram trocados 78 mil metros de cabos e 85 mil metros de dutos.

A inauguração da nova rua 14 de Julho vai contar com a iluminação de Natal na rua e também da Praça Ary Coelho. Os últimos detalhes da decoração estavam sendo feitos nesta manhã. O projeto prevê a instalação de bolas metálicas de 3 metros de diâmetro, enfeitadas com cordões fixos de LED nas cores vermelho e branco e mangueira (também de LED) na cor verde. Elas enfeitarão as 60 flâmulas natalinas que acompanharão todo o trajeto revitalizado, entre as avenidas Fernando Corrêa da Costa e Mato Grosso.

Além das bolas metálicas e das flâmulas natalinas, a decoração da 14 também terá a instalação de mangueiras iluminadas por lâmpadas em 60 árvores naturais. No cruzamento da Afonso Pena foi instalada uma árvore de Natal de 15 metros, na frente da Praça Ary Coelho, que na manhã de hoje ainda recebia reparos. Os pórticos de entrada e o coreto da Praça, além de árvores que compõem a paisagem do espaço público, também receberão decoração. O local estava fechado nesta manhã porque uma equipe acertava os últimos detalhes, como corte de árvores e instalação das luzes.
 




PUBLICIDADE
  • WhatsApp TUDODOMS459
PUBLICIDADE
  • academia374
  • Nelson Dias12
PUBLICIDADE