PUBLICIDADE

Jovem de 20 anos é única estudante de MS com redação nota 1.000 no Enem


PUBLICIDADE

18/01/2020 09h57 - Atualizado em 18/01/2020 09h42

Jovem de 20 anos é única estudante de MS com redação nota 1.000 no Enem

Dados divulgados hoje indicam que mulheres, como a que fez a prova no Estado, são maioria entre as notas mais altas

Marta Ferreira


Mato Grosso do Sul está entre os 15 estados em que estudantes conseguiram tirar nota 1000 no Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) de 2019, realizado em novembro. Uma jovem de 20 anos que fez a prova no Estado escreveu sobre “Democratização do acesso ao cinema no Brasil”, o tema cobrado, e obteve a nota máxima.  Ela faz parte de um grupo de apenas 53 candidatos com a nota mais alta para o texto feito no Exame em todo o Brasil. Do total, 32 são mulheres, mais de 60%.


A informação foi divulgada hoje, junto com uma série de dados sobre o Enem, cujas notas estão disponíveis para os estudantes. O Ministério divulgou, ainda, que 146 mil dos 3,9 milhões que fizeram a prova zeraram a redação. Não foi informado o número por estado. No total nacional, as redações sem nota chegaram a 3,6% do total.


O Rio de Janeiro e Ceará, com seis registros, foram as unidades da federação com mais notas máximas. Depois vem São Paulo, com 4. O Ministério da Educação não divulga nomes nem as cidades dos candidatos com os melhores resultados.


O texto da prova de redação do Enem deveria ser do tipo dissertativo-argumentativo, com até 30 linhas, desenvolvido a partir da situação-problema proposta e de subsídios oferecidos pelos textos motivadores.


 


Redações com menos de sete linhas recebem nota zero, assim como as que reproduzem integralmente trechos dos textos motivadores e de itens do Caderno de Questões.


Realizado nos fins de semana do dia 3 de novembro e 9 de novembro, o Enem 2019 teve 5.095.308 de inscritos, dos quais 1.160.151 não compareceram às provas, o que correspondente a 22,77% dos inscritos. Em Mato Grosso do Sul, foram 70,7 mil inscritos e entre eles, 48 mil compareceram às provas. O índice de abstenção atingiu 30%.


As notas podem ser conferidas aqui.

 





PUBLICIDADE
  • WhatsApp TUDODOMS459
PUBLICIDADE
  • academia374
  • Nelson Dias12
PUBLICIDADE