PUBLICIDADE

Estudo vai avaliar condição de vida no Pantanal


PUBLICIDADE

23/08/2011 16h40

Estudo vai avaliar condição de vida no Pantanal

Capital Newa


 O Ministério Público Federal (MPF) realizará nos dias 24, 25 e 26 de agosto uma visita às populações tradicionais de Corumbá, no Pantanal de Mato Grosso do Sul. Durante a expedição, serão visitadas as comunidades situadas entre a cidade de Corumbá e a Aldeia Uberada, dos guatós.

O objetivo da expedição, composta por representantes da Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai), Superintendência do Patrimônio da União em Mato Grosso do Sul (SPU/MS), Fundação Nacional do Índio (Funai), Polícia Militar Ambiental (PMA) e Polícia Federal (PF), é avaliar as condições de vida das comunidades e o acesso a atendimento médico básico, educação, cidadania e transporte hidroviário.

Durante os três dias os participantes devem percorrer mais de 700 quilômetros no Rio Paraguai. Nas visitas, serão coletadas informações sociais, culturais, econômicas e ambientais, que servirão à elaboração de um estudo antropológico, com o objetivo de subsidiar ações específicas para atender as reais demandas da população. O MPF também identificará possíveis pontos de conflito por posse de terra e exploração de recursos naturais entre as comunidades ribeirinhas e Reservas Particulares do Patrimônio Natural (RPPN's) ou propriedades rurais.





PUBLICIDADE
  • WhatsApp TUDODOMS459
PUBLICIDADE
  • academia374
  • museu da cachaça319
  • Imobiliaria12
PUBLICIDADE