PUBLICIDADE

Com crescimento exponencial no atendimento oncológico, Santa Casa de Campo Grande traz concerto solidário para compra de equipamentos


PUBLICIDADE

11/02/2020 09h07 - Atualizado em 11/02/2020 10h08

Com crescimento exponencial no atendimento oncológico, Santa Casa de Campo Grande traz concerto solidário para compra de equipamentos

Neusa Pavão MTB 035



De 2016 para cá, o volume de atendimentos no Serviço Oncológico do hospital passou de 300 para 1,5 mil pacientes

Nos últimos anos o Serviço de Oncologia da Santa Casa de Campo Grande vem experimentando um crescimento exponencial no número de pacientes entre atendimentos ambulatoriais e cirúrgicos e busca apoio da iniciativa privada e da população para oferecer os recursos necessários para o diagnóstico e tratamento. Com este intuito, no dia 20 de março, às 19 horas, no Diamond Hall, será realizado um concerto solidário com o maestro João Carlos Martins, que vai contar ao público sua história de superação.

O presidente da Santa Casa, Dr. Esacheu Nascimento, ressalta que hoje os repasses feitos pelos municípios, Estado e União são insuficientes para cobrir os custos de atendimento, que crescem em ritmo acelerado. "Para se ter uma ideia, em 2016 atendíamos 300 pacientes no serviço oncológico e hoje são 1,5 mil. Precisamos de ajuda para levar o programa de oncologia adiante e tenho certeza de que esse apelo vai falar no coração das pessoas para que possam se sensibilizar com os pacientes". Ele enfatiza a importância de contribuir com o serviço oncológico local, uma vez que os pacientes em tratamento já estão sensibilizados e viajar para tratamento em outros Estados acaba se tornando custoso e desgastante. 

Hoje Serviço Oncológico da Santa Casa de CG oferece, além das cirurgias, a quimioterapia, mas precisa de equipamento para radioterapia, tratamento necessário em grande parte dos casos. "O Serviço de Oncologia depende de vários equipamentos, mas o mais específico, do qual precisamos, é o acelerador linear, que tem um custo entre R$ 6 milhões e R$ 6,5 milhões, além do PET Scan e outros de menor custo, mas muito importantes para dar condições aos médicos para trabalharem complementarmente na unidade Oncológica", observa o presidente.

No dia 08 de novembro do ano passado, foi inaugurado o novo setor de Oncologia da Santa Casa de Campo Grande, localizado na rua Eduardo dos Santos Pereira, 88 (esquina com a rua Treze de Maio), com  um espaço físico moderno, novas tecnologias e mais humanizado, atendendo usuários do serviço pelo Sistema Único de Saúde (SUS), convênios e particulares. A capacidade de atendimento é para até 3 mil pacientes por mês.

Serviço  – Os ingressos para o Concerto "Solidariedade, Saúde e Música", com o maestro João Carlos Martins podem ser comprados no site https://eventos.santacasacg.org.br

 




PUBLICIDADE
  • WhatsApp TUDODOMS459
PUBLICIDADE
  • academia374
  • Nelson Dias12
PUBLICIDADE