PUBLICIDADE

Leandro Guilheiro está nas semifinais do Mundial de Judô. Flávio Canto e Mariana Silva são eliminados


PUBLICIDADE
  • mell280

25/08/2011 13h30

Leandro Guilheiro está nas semifinais do Mundial de Judô. Flávio Canto e Mariana Silva são eliminados

Jorge Luiz Rodrigues do O Globo


 

Leandro Guilheiro (de quimono branco) está nas semifinais do Mundial de Judô - Reuters

Leandro Guilheiro está na semifinais dos meio-médios (81kg) do Campeonato Mundial de Judô. O paulista de Santos venceu Sergiu Toma, da Moldávia, por yuko, há pouco, no Palais Omnisports de Bercy e é o único brasileiro que se mantém na disputa.

 

 

O veterano Flávio Canto, de 36 anos, foi eliminado na terceira luta pelo russo Ivan Nifontov, campeão mundial de 2009, perdendo por um wazari e um yuko, após cinco minutos.

 

 

Bronze olímpico em Atenas-2004 e em Pequim-2008, Leandro Guilheiro já havia vencido suas três primeiras lutas no Mundial. A mais dramática foi a terceira, ganhando na bandeira dos juízes do francês Alain Schmitt, após empates nos cinco minutos regulamentares e nos três minutos do golden score. Os dois judocas levaram duas punições, cada, por faltas cometidas no tempo normal e a decisão ficou para os juízes, após ninguém pontuar no golden score.

Antes, o atual vice-campeão mundial dos meio-médios (81kg) ganhara do iraniano Amir Ghasemi Nejad e do colombiano Pedro Castro, sempre por wazari, após os adversários terem sido punidos três vezes pelos árbitros durante os cinco minutos dos dois combates, no Palais Omnisport de Bercy.

 

 

Canto ainda sonha com vaga olímpica

 

Após ser eliminado por Nifantov, Flávio Canto reclamou da marcação da arbitragem. Ele disse ter ficado em dúvida sobre o golpe sofrido do russo, que valeu wazari ao adversário.

 

- Tenho dúvida se valeu mesmo - disse o judoca, que antes havia eliminado o ucraniano Vitaly Dudchyk e o mexicano Karim Rezc.

Apesar da eliminação, o meio-médio disse que se sentiu bem fisicamente, mesmo após ter passado quatro meses de completa inatividade por conta de uma cirurgia de joelho.

 

- Acho que me saí bem, apesar de toda a dificuldade. Preciso de uns seis meses fortes de treino para continuar brigando pela vaga olímpica. Se espremer, ainda sai suco - brincou Canto.

 

O judoca admitiu que seu maior adversário pela vaga olímpica, o compatriota Leandro Guilheiro, atravessa grande momento, mas não vai desistir.

 

- Ele está voando - elogiou, sobre o atual número dois do ranking mundial dos meio-médios.

 

Mariana Silva é eliminada

No meio-médio feminino, a participação de Mariana Silva no Mundial de Judô-2011 durou somente 1m50s. A paulista de 21 anos levou uma chave de braço da austríaca Hilde Drexler logo em seu primeiro combate da categoria 63kg.

 

Décima-nona colocada no ranking mundial, Mariana se despediu da competição mais rapidamente do

que ela mesma esperava, depois de ter sido, este ano, terceira colocada no Grand Slam do Rio e nas etapas de São Paulo e de Miami da Copa do Mundo.

 

O Brasil já conquistou três medalhas no Mundial de Judô. Na quarta-feira, Rafaela Silva foi prata na categoria leve . Na terça, primeiro dia de competições, Leandro Cunha conquistou a prata no meio-leve e Sarah Menezes o bronze no ligeiro .

 

* O repórter viaja a convite da Confederação Brasileira de Judô







PUBLICIDADE
  • WhatsApp TUDODOMS459
PUBLICIDADE
  • academia374
  • museu da cachaça319
  • Nelson Dias12
PUBLICIDADE