PUBLICIDADE

Prefeitura fortalece projeto ´Sala Digital´ via FAC


PUBLICIDADE
  • mell280

01/08/2020 15h29

Prefeitura fortalece projeto ´Sala Digital´ via FAC

Carlos Monfort


 Projeto estende cursos de aperfeiçoamento pessoal e profissional para a área educacional

 A prefeitura de Ponta Porã, através do Fundo de Apoio à Comunidade, desenvolve cursos de aperfeiçoamento visando melhorar as ferramentas de utilização das redes sociais. Primeiramente, o curso foi levado para participantes de projetos voltados para vendas e no segundo momento, o curso foi apresentado a professores da Rede Municipal de Ensino na Escola Municipal ´Dora Landolfi´, no distrito de Sanga Puitã.

  Seguindo todos os protocolos de segurança contra o Covid-19, um grupo de educadores participou do curso voltado para área educacional.  O FAC (Fundo de Apoio à Comunidade) promoveu o curso Sala Digital para professores da Escola Municipal Dora Landolfi, de Sanga Puitã, capacitando, tirando dúvidas e fornecendo instruções práticas de uso e manuseio das redes sociais, visando facilitar a comunicação durante a pandemia. O curso foi ministrado por Eder Gimenez e Hellen Matos.

Esse é mais um programa do Fundo de Apoio à Comunidade voltado para o aperfeiçoamento pessoal e profissional. Coordenado pela primeira-dama Vânia Peluffo, o FAC vem trabalhando no sentido de fortalecer diversos setores da sociedade, principalmente quanto a profissionalização.

A diretora da Escola Municipal ´Dora Landolfi´, professora Rosane Melgarejo Reis destaca a importância do curso como forma de levar mais conhecimento na área de informática em um período em que as aulas virtuais são fundamentais no período de pandemia. Ela enfatiza a atividade pedagógica complementar como uma ferramenta de enriquecimento aos professores.

Neste período da pandemia, para ajudar a população a se proteger contra o coronavírus, o Fundo de Apoio a Comunidade de Ponta Porã (FAC) entregou 3400 máscaras de proteção para a Secretaria Municipal de Educação de Ponta Porã distribuir aos pais e alunos carentes da Rede Municipal de Ensino, que vão até as escolas sem máscara retirar as atividades dos estudantes.

As costureiras do FAC produziram 3050 máscaras e 350 foram doadas pela Associação Comercial e Empresarial de Ponta Porã (Acepp), para ajudar na prevenção do covid-19.

Além das máscaras, também foram confeccionados 20 capotes, uma espécie de capa larga e longa, que faz parte dos equipamentos de proteção individual (EPI), os quais serão utilizados pelos enfermeiros e cuidadores na Instituição de Longa Permanência de Idosos (Ilpi).

 

 





PUBLICIDADE
  • WhatsApp TUDODOMS459
PUBLICIDADE
  • academia374
  • Nelson Dias12
PUBLICIDADE