PUBLICIDADE

Bandido que roubou 84 relógios em Maracaju é preso em Dourados


PUBLICIDADE

22/10/2020 12h15

Bandido que roubou 84 relógios em Maracaju é preso em Dourados

Hélio de Freitas


 Foi preso nesta quinta-feira (22) em Dourados, a 233 km de Campo Grande, um dos assaltantes que roubaram R$ 80 mil em joias e relógios de uma joalheria de Maracaju no dia 15 deste mês. Funcionários e o dono do comércio ficaram sob a mira de armas.

 
 
Lucas Souza, 27 anos, foi localizado por policiais do SIG (Setor de Investigações Gerais) da Polícia Civil em uma casa no Jardim João Paulo II, região leste da cidade.
 
 
 
Foragido da Justiça e morador no Jardim Piratininga, Lucas estava escondido na casa de Alexsandro Sales Silvestre, 31, com antecedentes criminais por furto e estelionato.
 
O dono da residência foi preso em flagrante por receptação. Em uma sacola escondida no guarda-roupa foram encontrados pelo menos 40 relógios e 15 anéis roubados da loja em Maracaju.
 
Veja o vídeo dos presos:Lucas Souza (camiseta azul), um dos autores do assalto em Maracaju, e Alexsandro Silvestre, preso por receptação (Foto: Adilson Domingos)
 
 
Lucas Souza é o assaltante “de dois metros de altura” apontado pelas vítimas. O comparsa dele está sendo procurado pela polícia, que investiga também o destino dos demais relógios e joias levados da joalheria.
 
 
O assalto – Armados com pistola, os dois bandidos invadiram a loja de Maracaju usando máscaras e bonés. O proprietário de 70 anos e mais quatro funcionários foram trancados no escritório enquanto a dupla recolhia os relógios e joias. A ação durou dez minutos.
 
A dupla chegou à loja em uma moto. Câmera de segurança instalada em frente ao estabelecimento gravou o momento em que os assaltantes param no local e em seguida entram na joalheria.
 
Veja o vídeo:
 
 
Conforme o delegado Rodolfo Daltro, do SIG, minutos após a fuga os assaltantes abandonaram a moto e foram resgatados por comparsas, demonstrando que o crime tinha sido bem planejado. Diante das evidências de que se tratavam de assaltantes de outra cidade, os bandidos passaram a ser procurados em Dourados, distante 100 km de Maracaju.
 
 
 




PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • academia374
  • Nelson Dias12
PUBLICIDADE