PUBLICIDADE

Prefeito eleito, reitor da Uems e diretor do campus de Maracaju confirmam vestibular para Agronomia em 2021


PUBLICIDADE

03/12/2020 18h09 - Atualizado em 03/12/2020 19h43

Prefeito eleito, reitor da Uems e diretor do campus de Maracaju confirmam vestibular para Agronomia em 2021

Confirmação de que as aulas se iniciam no segundo semestre ocorreu em entrevista concedida por Marcos Calderan, Laércio de Carvalho e Alex Von Mullen à Rádio Cidade FM

Assessoria


 

 

 

Com Assessoria 

 

Os maracajuenses tiveram uma grande notícia na tarde desta quinta-feira, 3. Em entrevista à Rádio Cidade FM 104,3 o prefeito eleito Marcos Calderan (PSDB), o reitor da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul – Uems -0 professor Laércio de Carvalho, e o gerente do campus da Uems no município, confirmam a realização de vestibular no primeiro semestre e o início do curso de Agronomia na unidade local já no segundo semestre de 2021. Eles estavam acompanhado do vereador reeleito Robert Ziemann (PSDB), um dos baluartes na luta pela implantação do curso que se confunde com a vocação econômica do município.

Na visita à Rádio Cidade 104,3 que teve o objetivo específico de anunciar oficialmente o início do curso no município, as autoridades destacaram que a conquista é resultado do esforço conjunto do Governo do Estado e da Uems que para tal contaram com o apoio de entidades representativas do município como a Assema, Fundação MS, Senai, Sindicato Rural, empresas privadas, produtores, a administração municipal e Câmara de Vereadores. 

 

 

Com o projeto pedagógico definido para seu funcionamento na cidade e confirmada a sua instalação já em 2021, as autoridades anunciaram que o processo de vestibular para a seleção da primeira turma ocorrerá entre março e abril. Pela proposta de instalação do curso de Agronomia em Maracaju, o primeiro semestre do curso deverá ser ofertado a partir do mês de agosto com a primeira turma devendo ocupar 50 vagas.

 

GRANDE CONQUISTA - Para o gerente da Unidade Uems de Maracaju, professor Alex, a chegada do curso representa uma vitória de todos, dando fim a uma espera de mais de 25 anos. “Conseguimos unir todas as condições favoráveis para ofertar este curso em nossa cidade” disse o responsável pelo campus local. 

 

Ele agradeceu a presença do reitor, Professor Laércio, no município e do prefeito eleito Marcos Calderan que sempre apoiou a demanda da comunidade escolar maracajuense, além do empenho do vereador Robert Ziemann. Eles sempre estiveram juntos conosco desde a formação da comissão de luta pela implantação do curso. Foi essa união que permitiu que conseguíssemos planejar e transformar em realidade esse curso tão sonhado pela nossa cidade” explicou o professor Alex.

O vereador Robert Ziemann disse que se trata de uma conquista de Maracaju, não sendo uma conquista individual, mas de todos. “Estamos nos sentindo realizado, pois, essa se trata de uma conquista de toda a sociedade e faz jus ao nosso município que é merecedor, especialmente pela sua natural vocação e pujança agrícola” frisou o vereador recordando-se de quando esteve na Assembleia Legislativa no gabinete do estão deputado estadual Beto Pereira (hoje deputado federal pelo PSDB) iniciando o trabalho pela implantação do curso de Agronomia em Maracaju.

“Na ocasião, ele me apresentou o então reitor da Uems, o professor Fabio Edir, e ali iniciamos o trabalho. Quando o professor Laércio era ainda vice-reitor esteve comigo, juntamente com outros vereadores e o nosso futuro secretário de Governo Frederico Felini, viajando a São Paulo, onde formos buscar informações e condições para realizar este sonho” relatou emocionado. “Temos que agradecer o empenho do nosso governador Reinaldo Azambuja e nosso Secretário de Governo Eduardo Riedel que ajudaram na viabilização do curso de Agronomia que, com certeza, atenderá e realizará o sonho de inúmeros jovens” concluiu o vereador.

 

Para o prefeito eleito Marcos Calderan foi muito importante poder participar e colaborar com este processo visitando, ainda durante a campanha, o reitor da Uems em Dourados, assim como ter recebido o compromisso do governador Reinaldo Azambuja de dar sustentação para que o curso se tornasse realidade na cidade.

 

“Com certeza é uma alegria enorme, já no primeiro ano da nossa gestão poder ter e contar com essa coisa tão boa para nossa Maracaju que é o curso de Agronomia. Nossa cidade tem imensurável vocação agrícola e nada mais justo do que termos conseguido esse benefício em conjunto e com o empenho de todos” afirmou Marcos Calderan.

 

O reitor da Uems, professor Laércio disse que para a instituição também é motivo de comemoração e orgulho ter um curso de excelência em um município de excelência no agronegócio como é o caso de Maracaju. “Neste momento, temos que agradecer a todos os envolvidos como o prefeito Eleito Marcos, o vereador Robert, o professor Alex e sua equipe da Unidade da Uems de Maracaju, bem como as 30 instituições que declararam apoio ao curso, ressaltando que um curso como esse não abre sozinho e por isso a somatória de esforços fez com que de fato o curso se tornasse realidade” enfatizou o reitor.

 




PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • academia374
  • Nelson Dias12
PUBLICIDADE