PUBLICIDADE

Bolsonaro acompanha blitz da PRF e causa aglomerações


PUBLICIDADE

06/06/2020 15h42

Bolsonaro acompanha blitz da PRF e causa aglomerações

Daniel Gullino


BRASÍLIA — O presidente Jair Bolsonaro acompanhou na manhã deste sábado uma blitz da Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Planaltina, região administrativa do Distrito Federal. Bolsonaro foi de helicóptero até o local, onde ficou por pouco mais de uma hora. Sem máscara, Bolsonaro cumprimentou e tirou fotos com apoiadores, causando aglomerações.

No período em que Bolsonaro estava no local, os agentes da PRF não pararam nenhum veículo. O presidente também tirou fotos com alguns dos agentes e gravou um vídeo destinado a 600 pessoas aprovadas em um concurso da corporação que foram convocados recentementes. Atendendo a pedidos do grupo, Bolsonaro conseguiu que eles fossem convocados antes da sanção do projeto de socorro a estados, que proíbe novas contratações.

O presidente foi questionado sobre a mudança no esquema de divulgação dos dados do coronavírus, mas não quis responder. Minutos antes, em redes sociais, ele havia dito que as informações passaram a ser divulgadas às 22h para evitar "subnotificação e inconsistências".   

Bolsonaro estava acompanhado dos ministros Augusto Heleno (GSI) e Tarcísio Gomes de Freitas (Infraestrutura), além do pastor Silas Malafaia. Os três também estavam se máscaras. No último fim de semana, o presidente já havia acompanhado um operação da PRF, em Abadiânia (GO).

Depois, Bolsonaro seguiu, novamente de helicóptero, para o Forte de Santa Bárbara, em Formosa (GO), onde visita o Comando de Artilharia do Exército, inaugurado recentemente no local. O ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, e o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, também participam da visita.

 

 

 

 
 




PUBLICIDADE
  • WhatsApp TUDODOMS459
PUBLICIDADE
  • academia374
  • Nelson Dias12
PUBLICIDADE