PUBLICIDADE

Como organizar as finanças do seu negócio


PUBLICIDADE

04/06/2021 08h23

Como organizar as finanças do seu negócio

Maria Eduarda


 

Manter as finanças organizadas é essencial para que o seu negócio dê certo. Não basta ter força de vontade ou trabalhar com aquilo que se gosta, é preciso ter disciplina e fazer uso de estratégias racionais de organização para que a sua empresa tenha lucro no final do mês e, assim, possa continuar funcionando.

Neste artigo nós vamos detalhar as principais estratégias de organização das finanças, voltadas especialmente para pequenos e microempreendedores. Além disso, também discutiremos as melhores formas de conseguir crédito para impulsionar ou recuperar o seu negócio.

Planejamento financeiro para micro e pequenas empresas

Não importa qual é o tamanho da sua empresa, se ela é grande, média, micro ou pequena, ou mesmo se ela se resume a você apenas. Em todos os casos é preciso planejar. É preciso manter um controle sobre entradas e saídas, gastos, vendas, lucros, despesas com materiais, com aluguel, com funcionários, retiradas, investimentos, etc.

Sem esse controle fica muito difícil entender o que está dando certo e o que está dando errado no seu negócio. Também fica muito difícil decidir quais os próximos passos a serem dados, o que fazer para melhorar o desempenho do empreendimento. Desempenho, na verdade, é uma palavra-chave aqui, pois o empreendedor, seja micro ou pequeno, precisa ter uma ideia clara do desempenho do seu negócio.

Veja também: Gestão de negócios em tempo de crise – o que não fazer

Pedir ajuda ou fazer por conta própria?

O planejamento financeiro é uma parte tão importante da gestão de um negócio que, muitas vezes, o melhor é pedir a ajuda de um profissional. Pode ser alguém da área de administração de empresas ou de contabilidade, ou mesmo aquele parente que tem experiência com o assunto ou manda bem fazendo contas. Existe, porém, um profissional específico para essa tarefa, e que vem ganhando cada vez mais espaço no mercado: o analista de planejamento financeiro. Dependendo da sua situação e da situação da sua empresa, pode valer bastante a pena contratar esse profissional.

Por outro lado, o planejamento financeiro é uma tarefa com a qual todo empreendedor precisa estar familiarizado. Por isso, considere dedicar um tempo a esse tema, pesquisando e colocando em prática as melhores estratégias. Mesmo quem não tem conhecimento aprofundado de contabilidade consegue, com alguma paciência e disciplina, colocar as finanças do seu negócio em dia.

Controle de vendas

A primeira estratégia de planejamento financeiro que nós recomendamos é adotar o controle de vendas. Trata-se de uma planilha ou documento em que se lançam as principais informações sobre as vendas, de modo que o empreendedor possa ter uma melhor compreensão sobre o desempenho dessa parte tão importante do negócio.

Um controle de vendas necessita ter, no mínimo, as seguintes informações: data, nome do cliente, produto ou serviço vendido, valor e forma de pagamento. De posse dessas informações, o empreendedor saberá o que está tendo mais saída e o que está ficando parado no estoque, o que está dando lucro e o que está dando prejuízo, e assim poderá ajustar melhor as suas estratégias.

Pode ser feito no Excel ou em um programa mais específico, ou pode ser até no caderno mesmo. O importante é armazenar essas informações de forma organizada.

Legenda: Seja numa planilha eletrônica ou no papel, o importante é organizar todas as informações sobre o seu negócio.

Livro Caixa

O livro caixa é outra ferramenta essencial para o planejamento financeiro das micro e pequenas empresas. Nele se registram todas as entradas e saídas financeiras do seu negócio, com data e nome das transações, assim como o saldo. Deve-se incluir tanto o ganho com as vendas, como os diversos custos, em estoque, material, aluguel, energia, salários, empréstimos e outros, e também os investimentos.

Para os pequenos empreendedores e autônomos o livro caixa é importante para separar o que é dinheiro do negócio e o que é dinheiro pessoal. Misturar esses dois é um erro bem frequente e que pode dar muita dor de cabeça. Para evitar isso, defina a parte do lucro que irá para suas despesas pessoais e registre no livro caixa como um salário. De modo semelhante, o dinheiro pessoal que você coloca no negócio deve ser registrado como investimento.

Para ter um bom livro caixa, lembre-se de anotar as informações o mais rápido possível. O ideal é fazer uma atualização diária. Certifique-se também de guardar os comprovantes e documentos referentes aos pagamentos e recebimentos, o que facilitará o registro das informações.

Fluxo de Caixa

O fluxo de caixa é parecido com o livro caixa, com a diferença de apresentar um panorama mais geral sobre a situação financeira da empresa. O fluxo de caixa deve informar o saldo inicial, as despesas e ganhos do período e as despesas e ganhos que estão previstos para acontecer. Trata-se de uma ferramenta essencial para o empreendedor entender que rumos o seu negócio irá tomar.

Melhores opções de crédito para seu negócio

Crédito é essencial para o funcionamento de qualquer negócio. Desde o início o empreendedor, muito provavelmente, terá que recorrer a alguma fonte de crédito para montar o capital de giro da empresa, com o qual ela poderá funcionar nos primeiros meses ou anos, um período bastante difícil. Depois, quando for necessário recuperar o caixa da empresa ou expandir o negócio, o crédito também será de grande ajuda.

Por isso é muito importante que o empreendedor conheça as melhores opções de crédito disponíveis no mercado, e é sobre elas que abordaremos a seguir.
Cartão de crédito

As pessoas geralmente não enxergam o cartão de crédito como uma forma de crédito ou empréstimo, mas ele é. E trata-se de uma das opções mais acessíveis, sendo, portanto, recomendável para aqueles empreendedores que necessitam de pouco crédito. Seja para comprar algum material ou para pagar suas despesas pessoais, de modo a aliviar o caixa da empresa, o cartão de crédito pode ser de grande ajuda.

No site Juros Baixos você pode encontrar uma lista completa com as principais opções de cartão de crédito.

Capital de giro, empréstimos com garantia, antecipação de recebíveis e outros

Você pode optar por empréstimos mais convencionais, caso necessite de um volume maior de crédito. O crédito para capital de giro é a modalidade mais usada pelos empreendedores. Ele é direcionado ao pagamento das despesas diárias da empresa e é oferecido a juros atraentes pelos bancos, especialmente o Banco do Brasil e a Caixa.

Também é possível conseguir financiamento para despesas específicas da empresa, como compra de estoque e aquisição de veículos. Nesse caso, as cooperativas de crédito, como o Sicredi, se destacam por oferecer crédito em condições favoráveis aos pequenos empreendedores. Elas se destacam, ainda, na oferta de um tipo de empréstimo chamado antecipação de recebíveis, em que é liberado crédito correspondente aos valores que o empreendedor espera receber.

Os empréstimos sem um destino específico também podem ser úteis, especialmente aqueles com garantia, como garantia de veículo ou de imóvel. Nesse caso é possível conseguir taxas de juros e prazos de pagamento bem vantajosos. Por último, também podemos destacar as linhas de crédito do BNDES, voltadas para micro, pequenas e médias empresas.

Aqui no Juros Baixos você também pode encontrar boas opções de empréstimo para seu negócio. Confira aqui.

Considerações finais
O planejamento financeiro não deve ser negligenciado pelos empreendedores. Com um pouco de paciência e disciplina você consegue organizar as finanças do seu negócio e finalmente sair do vermelho. Por isso, mãos à obra!

Esperamos que as nossas dicas tenham te ajudado. Deseja saber mais sobre educação financeira ou conhecer as melhores opções de crédito no mercado? O Juros Baixos é o lugar certo para isso. Somos uma plataforma dedicada a descomplicar o universo do crédito no Brasil. Conheça nosso site.


Metadescripton:

Entenda como organizar despesas, ganhos, investimentos e outras operações e melhorar o funcionamento da sua empresa.






PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • academia374
  • Nelson Dias12
PUBLICIDADE