PUBLICIDADE

Com apenas 118 votos de diferença, Donizete Viaro é eleito prefeito em Paranhos


PUBLICIDADE

04/10/2021 05h53

Com apenas 118 votos de diferença, Donizete Viaro é eleito prefeito em Paranhos

Gabriela Couto


 Paranhos elegeu o prefeito interino Donizete Viaro (MDB) para completar o mandato na função até dezembro de 2024. Ao lado dele estará o vice-prefeito e agora ex-vereador Cleber Valiente (MDB). Eles venceram as eleições suplementares do município por 50,43% e uma diferença de 118 votos do segundo colocado.

 
 
Donizete é empresário e Cleber liderança indígena da região. Ambos foram eleitos vereadores em 2020. Com a confirmação das urnas, a Mesa Diretora da Câmara Municipal passará por nova eleição e o suplente de Cleber assume a cadeira.
 
Os candidatos da Coligação Paz, União e Trabalho, Alfredo Soares (PSDB) e o vice-prefeito Denilson Rafaíne (PSDB) receberam 48,45% dos votos. Eles tinham o apoio dos partidos PSB, PP e Podemos. Em terceiro lugar ficou o servidor público Adélio Cirilo da Silva (PT) que tinha como vice-prefeita a empresária Daniela Lirança. A chapa PT/PSOL conseguiu 1,12% votos.
 
Ainda foram registrados 2,49% de votos nulos e 1,08% de votos brancos. A eleição foi marcada por prisões de suspeitas de crimes eleitorais durante este domingo chuvoso no município, além de um homicídio na última semana durante um comício.
 
 
Histórico - Em novembro de 2020, Heliomar Klabunde conquistou um terceiro mandato nas urnas, mas foi impedido de tomar posse em janeiro deste ano. Ele teve a candidatura indeferida por ter tido contas de sua última gestão reprovadas pelo TCU (Tribunal de Contas da União), relacionadas à execução de um convênio com o governo federal.
 
 
O vereador Donizete Viaro foi eleito presidente da Câmara Municipal e assumiu a chefia do Executivo interinamente. Klabunde tentou vários recursos antes da decisão final do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), mas não obteve sucesso.
 
Com o último recurso negado pela corte superior em junho, o TSE definiu em julho que a eleição suplementar seria realizada em 3 de outubro e a diplomação e posse dos eleitos deve acontecer no dia 22 do mesmo mês.
 
 
Chapa pura do MDB com vice Cleber Valiente (esq) e Donizete Viaro (dir) venceram as eleições suplementares (Foto Divulgação)




PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • academia374
  • Nelson Dias12
PUBLICIDADE