PUBLICIDADE

Cercada de cachoeiras, Costa Rica inicia plano para ser referência no turismo


PUBLICIDADE

22/01/2022 06h37

Cercada de cachoeiras, Costa Rica inicia plano para ser referência no turismo

Plano municipal envolve consulta pública, realização de workshops e pesquisas de fomento ao turismo

Por Adriano Fernandes


 Cercada de cachoeiras lindas, que são um convite à contemplação, Costa Rica, a 339 quilômetros de Campo Grande, caminha para conquistar ainda mais destaque no ecoturismo de Mato Grosso do Sul. A Fapec (Fundação de Apoio à Pesquisa, ao Ensino e à Cultura) iniciou uma consulta pública no município para conhecer a opinião dos moradores a respeito do turismo da cidade. A consulta é a primeira fase de construção do Plano Municipal do Turismo, que ainda inclui a realização de workshops voltados ao tema, além da realização de pesquisas, como forma de fomentar a atividade na região.



“Por meio do Plano de Turismo iremos organizar estratégias e metas para o turismo da cidade, trabalhando de maneira mais ordenada e organizada. É de extrema relevância a participação da comunidade nesta consulta pública, reforçamos o pedido para que todos acessem o site da prefeitura e participem”, comenta o secretário de Turismo, Meio Ambiente, Esporte e Cultura, Artur Delgado Baird.

 

Salto Majestoso, no Parque Natural Municipal Salto Sucuriú, cartão postal da cidade. (Foto: Divulgação) 
Salto Majestoso, no Parque Natural Municipal Salto Sucuriú, cartão postal da cidade. (Foto: Divulgação)
A consulta publica está disponível no site da prefeitura de Costa Rica. Clicando aqui, a população pode responder apenas três perguntas relacionadas à sua opinião quanto ao turismo na cidade. A data inicial era 23 de janeiro, mas foi prorrogada até 15 de fevereiro para alcançar mais participantes.


“O turismo, desde quando bem trabalhado, pode ser uma excelente fonte de renda para o município, Estado e o País. É ainda um importante fator para o desenvolvimento da cidade por conta da qualidade de vida que proporciona para a população local”, comenta a diretora-presidente da Fapec, Nilde Brun.

Dando continuidade ao cronograma de atividades, nesta semana, uma equipe da fundação esteve no município para dar início a segunda etapa do projeto, que será a pesquisa direta com a comunidade. Será feito um mapeamento do potencial turístico e das pessoas do setor privado e público que podem contribuir com o plano.

Parque Natural Municipal da Lage em Costa Rica. (Foto: Divulgação) 
Parque Natural Municipal da Lage em Costa Rica. (Foto: Divulgação)
Também foram realizados workshops com o tema: “Olhar sistêmico para o Turismo de Costa”, no auditório da secretaria de Educação da cidade. O Plano Municipal de Turismo é uma ferramenta que tem o objetivo de contribuir com o desenvolvimento da atividade, apresentando estratégias e ações voltadas ao incremento e estruturação do Turismo no destino.


Vocação turística – Capital estadual do algodão e dos esportes de aventura, Costa Rica fica na divisa com os estados de Goiás e Mato Grosso. O município está entre as 100 cidades mais promissoras do Brasil e o ecoturismo está em pleno desenvolvimento na cidade, abrigando dois parques municipais - Sucuriú e Lages; e um estadual, o Parque Estadual Nascentes do Taquari, conhecido por abrigar os Canyons do Engano. A cidade ainda dá acesso ao Parque Nacional das Emas, localizada na região sudoeste do estado de Goiás.

Curta o Lado B no Facebook. Tem uma pauta bacana para sugerir? Mande pelas redes sociais, e-mail: ladob@news.com.br ou no Direto das Ruas através do WhatsApp do Campo Grande News (67) 99669-9563.  



Vista aérea de Costa Rica, capital do turismo de aventura. (Foto: Divulgação) 
Vista aérea de Costa Rica, capital do turismo de aventura. (Foto: Divulgação)


 




PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • academia374
  • Nelson Dias12
PUBLICIDADE